Shinobi Survival
Votação
Apenas um Voto por Pessoa...
A) Sim
100% / 6
B) Não sou Capaz de Opinar
0% / 0
Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

Ver toda a lista

Os membros mais ativos da semana
Últimos assuntos
Quest - Cortando a ligação Qua Jul 25, 2018 6:33 pmReaper
Ficha KuroiSeg Jun 25, 2018 7:57 pmKuroi Neko
Ficha KuroiSeg Jun 25, 2018 7:57 pmKuroi Neko
Modelo FichaSeg Jun 25, 2018 7:55 pmKuroi Neko
Outbreak - Por uma vez sóTer Mar 27, 2018 5:47 pmReaper
Outbreak - Dia dos mortosSeg Mar 26, 2018 12:30 pmUmagon
Que Horas São?



Compartilhe
Ir em baixo
avatar

Status
Vida:
200/200  (200/200)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Alguma coisa

em Seg Nov 20, 2017 11:07 pm
Nhaaaa, eles cochicha! Eles acha que não posso ver e acha que a magia e as arma é suficiente pra deter meu mestre! — Ponderou a bizarra figura e desapareceu pelos corredores da masmorra com um sorriso amplo a escancarar seu rosto putrefato e mostrar suas presas mortíferas. Muitos outros como ele habitavam o lugar que há séculos permanecera esquecido, mas que há uma dezena ganhara a atenção dos malditos aventureiros.

O Majestoso Salão Espectral era a câmara principal daquela aparentemente inóspita masmorra e o som de uma canção sendo assoviada podia ser ouvido apenas pelos pequenos zumbinóides. Um homem trajando uma túnica púrpura escamada e puída flutuava aqui e ali, pelo lugar preparando seus itens mágicos e poções.

A porta rangeu em protesto quando a criatura esquisita adentrou os domínios de seu mestre. Uma câmara repleta de espelhos antigos em seus dois andares além de uma vasta mobília visível apenas aos olhos do grande feiticeiro.
— Temos visitaass asssquerosasss messstre! — anunciou o zumbinóide com sua voz cavernosa e o feiticeiro apenas o encarou indiferente.
— Deixe que se divirtam nesses corredores e câmaras traidores, deixem que vivam os seus dias de glória e desbravem esta masmorra. Deixe que pensem que as pedras que levam para a vila é ouro e que os perigos que enfrentam são reais. Deixe que pensem estar mapeando todo este complexo esfíngico, afinal meu caro zumbinóide, quem ri por último, se regozija com a tolice daquele que riu primeiro e quando finalmente eu me cansar e decidir me apresentar, eles enfim valsarão com a tão temível morte e eu a ela sorrirei.
avatar

Status
Vida:
200/200  (200/200)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Alguma coisa

em Ter Fev 06, 2018 10:24 pm
Teus olhos são os meus livros
E esses livros é o que me trás paz
Seu sorriso é minha ternura
Pois só ele me satisfaz
Sua pela me fascina
Me faz pensar na incrível indisciplina

Em meus sonhos só vem você
Longe, vindo, da floreta à mercê
Meu coração quando descobre
As batidas me ficam desalinhadas
Meus lábios secos
Minha pulsação fica acelerada!

Acordo todo dia para ver ao menos o seu bom dia
O seu boa noite?  
Há, é o que termina meu dia.
Mas só de falar o seu nome...  
Começa minha alegria.

- Matheus
avatar

Status
Vida:
200/200  (200/200)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Alguma coisa

em Dom Fev 18, 2018 7:45 pm
Naquela tarde, me perdi
Entre as nuvens, sonhei
Dentre a noite, me deslumbrei

Das três Marias, vinha o seu sorriso
Da ursa Maior e menor, seus hóspedes
Da ventania fresca do fim de verão, seu amoroso abraço
O ritmo do balançar das árvores, nossas danças desengonçadas

Minha memória não te deixava te esquecer
Minha saudade não deixava de lhe enaltecer
O céu azul escuro, um Brilhar na noite
Uma única estrela, sozinha, separada das demais
O seu brilho me fascina e me cativou em pouco tempo
Me deixou sonhando, como só o seu sorriso faz.

Em meu mundo de dilemas e dúvidas
Sua presença me da a certeza
Que em qualquer lugar, seja na céu, terra ou mar
Com você em meus pensamentos
Nunca estarei sozinho
Pois sei que sempre irei te amar
Conteúdo patrocinado

Re: Alguma coisa

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum